Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  Antas em 10/5/2010, 20:26

onga-ku escreveu:
Antas escreveu:Eu ja fiz ("desafiado" pelo anterior dono do meu Amp) e confirmo q de facto é excepcional, pelo que percebo perfeitamente o post do Mr Spcok. Porem, optei pela ligação digital nao so por conselho do representante, mas tb da propria Lyngdorf, a quem escrevi a pedir algumas infos.

Com o seu amplificador digital (TDAI2200) não faz sentido ler o sinal digital de um CD, convertê-lo para analógico com o D/AC do do leitor e voltar novamente a reconvertê-lo para digital com o A/DC do amplificador.

Obviamente.

É por isso mesmo q uso a ligaçao digital AES/EBU.
avatar
Antas
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 991
Idade : 44
Localização : Algarve
Ocupação : Banca
Interesses : Os meus filhos, a musica e a minha moto...
Data de inscrição : 12/05/2008
Pontos/Reputação : 595

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  facso em 10/5/2010, 21:40

Orion escreveu: Em relação ao Lingdorf pode contactar o seu cordial representante (Mike F) como já foi bem sugerido pelo Antas. Para o CD31, o máximo que lhe posso dizer é, se precisar, diga qualquer coisa que vemos aí uma maneira de poder ouvir o meu (não reparei se era de perto ou não).

Cumprimentos.

olá caro orion,

obrigado pela sua hospitalidade... muito simpático da sua parte.

obrigado a todos meus caros pelas vossa preciosas intervenções/ajudas...

pois no meu caso a ligação que utilizo entre o CD e o AMP é a analógica, e o CD1 estando aqui em casa teria que "cantar" analogicamente como outro qualquer CDP que eu utilize... até porque o meu AMP nao tem qualquer funcionamento/ligação digital como o da lyngdorf.

[quote="Onga-Ku" ]Muito gostam vocês de falar em sinergias...
Mais vale dizer do ponto
de vista estético fica melhor o conjunto de componentes da mesma marca. Razz pirat[/quote]



agora em relação a sinergias/estetica , só mesmo testado ombro a ombro se possível no meu sistema, ou no mínimo com um AMP igual ao meu... e chegando assim a uma conclusão.
mas a tendência natural aqui favorece o CD31. (sou o feliz proprietário de um amplificador primare I21), que faz um EXCELENTE conjunto com o meu ( para mim excelente) CD21.

e agora os meus caros colegas devem-se estar a perguntam: se estou super satisfeito para que o tópico?

é que surgiu no meu horizonte uma possível hipótese de adquirir a um senhor um leitor CD31, o que me fez automaticamente pensar no CD1, leitor este que há já algum tempo cativou a minha atenção, como possível aquisição depois de um ombro a ombro com o CD31. (perdido por 100 perdido por 1000 )

mas para minha infelicidade, já li aqui no post do nosso colega ricardo felizberto que o CD1 foi descontinuado recentemente, dando continuação o CD2... o que torna assim mais dificil a ponderaçao deste mesmo para o meu caso.

abraços para todos!
avatar
facso
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 403
Ocupação : Bastante!
Interesses : Diversos, mas este é um grande...
Data de inscrição : 21/04/2010
Pontos/Reputação : 595

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  Orion em 11/5/2010, 06:56

Disponha sempre, caro facso.

De qualquer uma das opções, ficará bem servido decerto. Para qualquer coisa apite.

_________________
Carpe Diem
avatar
Orion
Equipa Audiopt - Admin.
Equipa Audiopt - Admin.

Número de Mensagens : 4623
Idade : 47
Localização : bem localizado
Ocupação : escutophilia
Interesses : so many
Data de inscrição : 28/06/2007
Pontos/Reputação : 2572

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  ricardo felisberto em 11/5/2010, 11:23

facso escreveu:

dando continuação o CD2... o que torna assim mais dificil a ponderaçao deste mesmo para o meu caso.

abraços para todos!

CD2 já é da sua autoria . Disse apenas que estava um novo modelo na calha.

ricardo felisberto
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 508
Localização : Almada/Lisboa
Ocupação : Infelizmente tenho de trabalhar ...
Interesses : Isto, gastronomia e viagens
Data de inscrição : 06/06/2007
Pontos/Reputação : 430

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  facso em 11/5/2010, 13:04

ricardo felisberto escreveu:

CD2 já é da sua autoria . Disse apenas que estava um novo modelo na calha.

tem razão Ricardo...nem sei onde fui buscar a ideia do CD2 (talvez pela logica de ser o numero imediatamente a seguir)

com os melhores cumprimentos
avatar
facso
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 403
Ocupação : Bastante!
Interesses : Diversos, mas este é um grande...
Data de inscrição : 21/04/2010
Pontos/Reputação : 595

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  Mr.Spock em 11/5/2010, 17:53

Antas escreveu:
onga-ku escreveu:
Com o seu amplificador digital (TDAI2200) não faz sentido ler o sinal digital de um CD, convertê-lo para analógico com o D/AC do do leitor e voltar novamente a reconvertê-lo para digital com o A/DC do amplificador.

Obviamente.

É por isso mesmo q uso a ligaçao digital AES/EBU.

Caro Antas
Talvez não seja assim tão obvio, permita-me.
Embora o amplificador seja outro, sugiro a leitura atenta do que diz JVH aqui

http://www.hificlube.net/Sections/Details.aspx?articleID=23461§ionID=3

E tudo se resume a isto

E eu aqui faço o papel do Diabo: experimenta, pá! o que tens a perder? vais ver que gostas...

e afinal é tããão facil fazer a experiencia. Ligar "ON" no CD e carregar no botão de analogico no amplificador

Mr.Spock
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 423
Data de inscrição : 06/04/2008
Pontos/Reputação : 161

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  ricardo felisberto em 11/5/2010, 18:29

Mr.Spock escreveu:
...

Embora o amplificador seja outro, sugiro a leitura atenta do que diz JVH aqui

http://www.hificlube.net/Sections/Details.aspx?articleID=23461§ionID=3


....


Fico com a ideia que JVH não dá grande margem, senão atentemos:- "O som continua de grande nível com a participação do ADC (analog/digital converter). Contudo, perde-se alguma integração (entrosamento das gamas) e transparência, e o grave torna-se menos delineado (mais cheio) e perde alguma tensão e extensão. Há uma óbvia diferença de nível (volume) que deve ser compensada (no painel: trimming) antes de se fazer qualquer avaliação subjectiva. A comparação A/B é fácil porque a selecção digital/analógico faz-se, neste caso, felizmente, no controlo remoto."

Em todo o caso é uma experiencia basica e de enorme simplicidade.

ricardo felisberto
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 508
Localização : Almada/Lisboa
Ocupação : Infelizmente tenho de trabalhar ...
Interesses : Isto, gastronomia e viagens
Data de inscrição : 06/06/2007
Pontos/Reputação : 430

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  Mr.Spock em 12/5/2010, 12:40

Caro Ricardo Felisberto
Eu nunca disse que as diferenças eram abissais. Pese embora em matéria de alta fidelidade, por vezes as diferenças de nada façam afinal toda a diferença.
Quanto a interpretações selectivas cada um faz as suas. Também lá está escrito :
"Já sei que vou ser criticado por esta experiência, ao sujeitar o sinal a violência doméstica, obrigando-o a passar por uma série de estágios de conversão e amplificação, quando o objectivo do M2 é poder amplificá-lo directamente sem o corromper, numa espécie de concepção sem pecado… Mas, meus amigos, em verdade vos digo, o Papa também considera que tudo o que é bom na vida é pecado. E eu aqui faço o papel do Diabo: experimenta, pá! o que O som obtido a partir de conversão prévia de sinais analógicos, não tem, contudo, a mesma transparência da via directa, que aconselho vivamente como default. Mas eu tinha logrado humanizá-lo, tornando-o menos...eh... perfeito, com o toque mágico das válvulas (há quem lhe chame mais prosaicamente distorção de segunda harmónica), dourando a tendência pontual para algum excesso de franqueza, sobretudo com metais, cujo timbre seja determinado pela influência maioritária do tweeter"
E quando leio: "Não façam o que JVH faz, façam o que ele diz: o NAD M2 é autosuficiente, e precisa apenas que lhe sirvam sinais digitais de qualidade".

interpreto: comprai este leitor à confiança que a tecnologia digital está capaz de vos proporcionar uma excelente prestação sonora. Alguns de vós já nem irão querer de outra forma. É que vos digo. No entanto, eu faço de outra forma. A humanização do som pela via analógica ainda leva a minha preferência apesar de poder nem sequer ser tão… “correcta” ?

Agora sinceramente Ricardo Felisberto, se há algo que me desencanta nos foruns são as infindáveis conversas teóricas sobre os equipamentos, a maior parte das vezes sem nunca haver contacto com eles. Mas neste caso concreto, o que me desilude ainda mais é o meu caro possuir os 2 equipamentos e perder-se nesta discussão teórica, chegando ao ponto de perguntar a outros qual a opinião deles. Eu também já começo a sentir um pouco o cansaço de tantas “experiências”. Felizmente estou a ficar cansado mas já com a meta á vista, porque andar sempre a experimentar este ou aquele equipamento às vezes dá uma trabalheira do caraças. Mas neste caso estamos a falar de “carregar” em 2 botões e ouvir. Se já o tivesse feito e me dissesse que não ouviu nenhuma diferença ou que a existir lhe pareceu favorável à ligação digital eu já me teria calado. E até acharia normal. Sabe porquê? Porque como costumo dizer a um amigo possuidor de umas 802D, as B&W só precisam de metade do sinal para serem mais informativas que as minhas SF. Verdade. Por exemplo: aquilo “trabalha” com qualquer “cabito”. Digo “cabito” porque depois quando ligado às minhas SF detecto que só transporta “metade” da informação. E talvez por aqui se expliquem porque os cabos são tão importantes para uns e menos para outros. Crossovers optimizados dizem-me. Será! Vai daí não seria para mim surpreendente que a ligação digital pudesse conter toda a informação que o meu amigo “precisa”. Agora não experimentar tendo ambos os equipamentos à mão é algo que não percebo, não percebo . A finalizar quero deixar claro que esta experiência não retira absolutamente nada à qualidade de ambos os equipamentos. O TDAI não deixa de ser um excelente amplificador mesmo para quem apenas queira fazer uso dele pela via tradicional / analógica. Mas continuo a achar que um CD1 a servir só como transporte é uma pena.

Abraço

Mr.Spock
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 423
Data de inscrição : 06/04/2008
Pontos/Reputação : 161

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  ricardo felisberto em 12/5/2010, 13:57

Compreendo-o.

Agora, por coincidência estou sem o CD-1, que está em manutenção. Mas tenho lá um cabo analogico e posso, evidentemente, fazer um teste quando o mesmo voltar.

Confesso que me tinha falhado essa parte da critica do JVH. Não esquecer que o leitor de CD's que o JVH usa não é o CD-1 mas um AR. O CD-1 não tem valvulas.

Agora, na ausência do CD-1 tenho usado um Denon 3910 como transporte, e coincidentemente se há falta que sinto é do detalhe e preciso recorte que me dá o CD-1. Recorte é mesmo o termo, com tudo muito melhor delineado e focado.

Quando o tiver de volta hei-de 'perder' tempo com o teste, e depois darei feedback aqui.

ricardo felisberto
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 508
Localização : Almada/Lisboa
Ocupação : Infelizmente tenho de trabalhar ...
Interesses : Isto, gastronomia e viagens
Data de inscrição : 06/06/2007
Pontos/Reputação : 430

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  ricardo felisberto em 18/7/2010, 15:52

Apenas para (tardiamente) dar feedback do teste de ligação analógica vs digital entre o CD-1 e o TDAI.

A diferença é notória entre ambos, com maior recorte e detalhe para a ligação digital.

Usei um Kimber Select de cobre para ligação analógica e um nordost silver shadow na ligação digital.

ricardo felisberto
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 508
Localização : Almada/Lisboa
Ocupação : Infelizmente tenho de trabalhar ...
Interesses : Isto, gastronomia e viagens
Data de inscrição : 06/06/2007
Pontos/Reputação : 430

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primare CD31 vs Lyngdorf CD1

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum