O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Lost em 17/6/2011, 16:17

Ora viva caros camaradas
A minha pergunta é mesmo a do topico, o que saber e ter em conta antes de comprar um gira discos.
Gostava de expermentar o som do vinyl no meu sistema mas nao sei nada de analogico nem sei o que preciso de saber.
So sei que tenho um antigo gira discos de uma aparelhagem muito antiga, sinceramente nem sei se este ainda funciona.
Fico a aguardar dicas
o gira discus liga ao audiolab 8000S
Obrigado

Lost
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 69
Idade : 35
Localização : Povoa de Santa Iria
Interesses : Fotografia.
Data de inscrição : 28/02/2011
Pontos/Reputação : 159

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  luis lopes em 17/6/2011, 17:11

bem,...
1ª questão:
- novo ou usado ?
2ª questão:
- o amp. têm ligação phono ?
avatar
luis lopes
Equipa Audiopt - Moderação
Equipa Audiopt - Moderação

Número de Mensagens : 2870
Idade : 50
Localização : algueirão
Ocupação : vigilante
Interesses : AUDIO VINTAGE series tv VALVULAS
Data de inscrição : 19/04/2009
Pontos/Reputação : 3120

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Lost em 17/6/2011, 18:01

1º usado face a relaçao custo/qualidade
2º sim tenho saida phono

Lost
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 69
Idade : 35
Localização : Povoa de Santa Iria
Interesses : Fotografia.
Data de inscrição : 28/02/2011
Pontos/Reputação : 159

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Vítor Almeida em 17/6/2011, 18:08

Lost escreveu:Ora viva caros camaradas
A minha pergunta é mesmo a do topico, o que saber e ter em conta antes de comprar um gira discos.
Gostava de expermentar o som do vinyl no meu sistema mas nao sei nada de analogico nem sei o que preciso de saber.
So sei que tenho um antigo gira discos de uma aparelhagem muito antiga, sinceramente nem sei se este ainda funciona.
Fico a aguardar dicas
o gira discus liga ao audiolab 8000S
Obrigado

Viva

Eu tenho um problema semelhante. Tenho um giradiscos antigo (AKAI AP-8110) com cerca de 30 anos (fazia parte da "aparelhagem" comprada com os meus primeiros ordenados) que estava "arquivado". Ainda tenho os meus discos antigos e ao tentar reciclar o GD verifiquei que tinha a correia feita em bocadinhos. Tenho de descobrir onde comprar uma nova. Já procurei na Net mas os sites que encontrei ainda não me convenceram, não pelo preço mas pelo produto. Entretantanto fui procurando GD na Net, lendo tudo o que apanhei (foruns, revistas, reviews, etc.) e fiz uma "short list" face ao muito que li. Abandonei os GD em 2ª mão, dado não me apetecer estar a fazer DIY. Assim, fiquei pelos Pro-ject, Rega e Clearaudio. Destes limitei a lista a P3-24 com célula Exact, P5 com célula Exact e Clearaudio Concept. Estou mais inclinado para o último (cerca de 1000€ Rolling Eyes ). Não tenho Thorens na lista pois não me pareceu que até ao valor referido haja algum novo que me convença. Há outros que não me importava de ter mas que são muito mais caros (alguns GD podem ir a mais de uma centena de milhar de euros Shocked). Há mais baratos (RP1 ~ 300€ e outros da Pro-ject) mas ... se gastar dinheiro num GD será por uma máquina que valha a pena e para muitos anos.

Já agora, como já foi também sugerido, o GD não precisa de ter uma qualidade muito superior à aparelhagem que se possui pois o investimento não valeria a pena, excepto se se pensasse num upgrade futuro da aparelhagem. Também não convém ser um "chasso", musicalmente falando. se a aparelhagem não possuir entrada de phono é necessário contar com mais uma(s) centena(s) para um pré-amplificador para o GD.

Há mais algumas opções mais baratas (GD com saida USB, GD Sony, Denon, Pioneer, marcas brancas ou quase, etc.)mas não as considerei suficientemente boas para me fazerem regressar ao analógico.

Estou a tentar que me passe o "bichinho" do analógico/vinil mas está a ser dificil resistir. Entretanto vou ouvindo CD e FLAC. Smile

Cumprimentos

Vítor Almeida

Vítor Almeida
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 138
Localização : Lisboa
Interesses : Música e vídeo, entre outras
Data de inscrição : 16/03/2011
Pontos/Reputação : 282

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Brás em 17/6/2011, 18:10

Tudo depende do que se quer com o analógico mas para quem não queira gastar muito, um Rega P3 usado ou um Project ou então alguma reliquia antiga como muitos gostam.
Abraço Cool
avatar
Brás
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 1440
Data de inscrição : 05/12/2007
Pontos/Reputação : 593

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  PMarques em 17/6/2011, 18:32

A questão essêncial antes de se comprar um GD seja ele qual fôr é precisamente saber se o vai usar, e quanto tempo dispôe diáriamente para se dedicar a ele. É a base de tudo no analógico e muita malta esquece isso, e dá palpites em minha opinião errados.

Recomendar GD a terceiros porque está na moda o analógico é profundamente errado, exemplos é o que não faltam.
Compram-se e fazem upgrades em gira de algumas centenas de euros e os seus proprietários nem uma hora por dia dedicam a ouvir analógico, mas gastam centenas porque se diz que aquele gira é que é bom, etc.

O analógico é muito mais do que isso, se fôr só para ''ver'' como toca, porque o pai tinha um e ouvia, então sugiro o mais baratuxo qu exista, e o que não faltam por aí GD estilo loja de trezentos, mais coisa menos coisa. Por exemplo sem qualquer desprimor pela Project, ou então para brincar um pouquinho tem o Rega P1.

O Analógico é toda uma envolvência que mais nenhum outro formato permite e disponibiliza, e há que ter consciência disso, mas também não é nenhum Gulliver em terra de anões.

Se fôr um ouvinte assíduo e exigente, se tiver disponibilidade e tempo à farta, e dinheiro, então podes começar por um Rega P3-24, ou um mais elaborado com um braço fenomenal, como o Rega P5, com uma célula e um pré-phono, ambos de qualidade média, ou até um AVID de entrada, tipo DIVA II, é o mais do que suficiente...

PMarques
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 148
Localização : Lisboa
Interesses : Música
Data de inscrição : 04/04/2011
Pontos/Reputação : 213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Lost em 17/6/2011, 18:46

no meu caso será umas MA RX6 e como pre amp o Audiolab 8000S.
Tambem ouvi falar de uns GD DIY e feitos em PT, só nao sei qual o feedback que existe deles.
Felizmente tenho algum tempo disponivel e todos os dias ouço cerca de 1h de musica.

Lost
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 69
Idade : 35
Localização : Povoa de Santa Iria
Interesses : Fotografia.
Data de inscrição : 28/02/2011
Pontos/Reputação : 159

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  luis lopes em 17/6/2011, 19:10

caro lost Very Happy
na minha opinião quer ouça muito ou pouco é sempre
um prazer ouvir um vinil.
quando não se têm tempo ouve-se outros formatos.
se der uma vista de olhos nos topicos por aqui, vai ter algumas ideias.
thorens, garrard, sony, entre outras,...
aconselho a compra por aqui, pelo motivo que pode fazer uma previa audição
com esse amp.
se não,... alguem que aceite tal audição.
agora resta saber o orçamento.....

caro victor
pode aproveitar também.... Very Happy
avatar
luis lopes
Equipa Audiopt - Moderação
Equipa Audiopt - Moderação

Número de Mensagens : 2870
Idade : 50
Localização : algueirão
Ocupação : vigilante
Interesses : AUDIO VINTAGE series tv VALVULAS
Data de inscrição : 19/04/2009
Pontos/Reputação : 3120

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Lost em 27/6/2011, 17:14

o meu orçamento seria sempre dentro dos 300/400€ acima disso começa a ser puxado!

Lost
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 69
Idade : 35
Localização : Povoa de Santa Iria
Interesses : Fotografia.
Data de inscrição : 28/02/2011
Pontos/Reputação : 159

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  PMarques em 27/6/2011, 20:33

Pois, com esse orçamento é díficil, portanto esqueça, eu não queria desanimá-lo, mas talvez seja melhor reunir mais fundos e aí já teria mais alguma margem de manobra, sorry.
Esqueça ainda o post que escrevi atrás, mesmo comprando um usado nunca, mas nunca seria por essa valor, ou melhor até conseguia talvez só o Gira-Discos, aí até talvez conseguisse, mas um Gira-discos não funciona sózinho, é preciso pré, mais célula como é óbvio, e esta tríade duvido que a consiga pelo valor que pode dar, uma vez mais sorry, é esperar por melhores dias, ou lá para o natal se ainda tiver sorte de receber o subsídio...

PMarques
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 148
Localização : Lisboa
Interesses : Música
Data de inscrição : 04/04/2011
Pontos/Reputação : 213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Vítor Almeida em 27/6/2011, 21:29

Viva

As coisas não são tão más como parecem, não desanime. Ainda há pouco havia um Dual à venda por 160€, antigo, em segunda mão, mas que serve bem para começar a brincar mais a sério. Veja os classificados. Também vi numa das lojas que anunciam por aqui um Pro-ject RPM-9 em segunda mão que quase me atraiu, salvo erro, por 650€, sem célula. Um Rega RP1 novo tem boas criticas, está dentro do seu orçamento e, se o seu equipamento de amplificação tiver entrada de phono, como diz que tem, pode ligá-los lá e mais tarde, se assim o entender (€€€), poderá comprar um pré-amplificador dedicado para o GD, mas só se considerar necessário.
Se quiser brincar mais a sério veja aqueles que indico mais acima e já foram o resultado de uma escolha com algum critério e até 1.000€, mais ou menos.
Se tiver muito dinheiro pode sempre adquirir um GD até 150.000€ (não, não me enganei nos zeros, é mesmo assim) Rolling Eyes .
Como pode ver há GD para todos os gostos e, quase, todas as carteiras.
Quanto aos GD made in Portugal, pelo que tenho lido, bem gostaria de colocar as minhas mãos num mas, pelo que li, começam nos 4.000 para cima Sad .

Cumprimentos

Vítor Almeida


Última edição por Vítor Almeida em 28/6/2011, 09:19, editado 1 vez(es)

Vítor Almeida
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 138
Localização : Lisboa
Interesses : Música e vídeo, entre outras
Data de inscrição : 16/03/2011
Pontos/Reputação : 282

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Lost em 27/6/2011, 21:38

Sendo assim vou aguardar mais uns tempos ate poder gastar cerca de 1.000€ ou muito pouco mais num sistema GD. ja os ouvi a tocar e o vinyl é algo de fantastico pena nao haver muita musica de que eu gosto em vinyl, mas vou começar a procurar pois se encontrar alguns albuns a aquisiçao pode ser ainda mais rapida.

Lost
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 69
Idade : 35
Localização : Povoa de Santa Iria
Interesses : Fotografia.
Data de inscrição : 28/02/2011
Pontos/Reputação : 159

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Vítor Almeida em 27/6/2011, 21:51

Viva

Já agora uma dúvida que se me coloca. Tenho lido muito sobre GD aqui e noutros foruns. Mas uma dúvida persiste: porque é que a grande maioria dos GD modernos são apenas manuais em vez de semi-automáticos (recolherem o braço automaticamente quando chegam ao fim)?
Até a minha "reliquia", um AKAI com 30 anos, tem um mecanismo desses porque é que os GD modernos e caros nâo têm? Em que é que o mecanismo afecta o som (os antigos Thorens 147 têm, os 160 não têm, por exemplo, e ambos costumam ser referidos como exemplos de bons GD)?

Cumprimentos

Vítor Almeida

Vítor Almeida
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 138
Localização : Lisboa
Interesses : Música e vídeo, entre outras
Data de inscrição : 16/03/2011
Pontos/Reputação : 282

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  jmarcedo em 28/6/2011, 07:20

Caro Lost,

Na minha modesta opinião, não precisa de começar por um gira de 1000€ para começar a tirar partido do som inigualável do vinyl.

Vou-lhe dar o meu exemplo pessoal: comecei com um Pro-jec RPM-1, que na altura custava cerca de 200€, e foi com esse prato que comecei a usufruir dos primeiros vinis. O som é muito agradável e se a colecção não for muito grande - como parece ser tabém o seu caso - é um óptimo primeiro passo.
De seguida comprei um Thorens TD 160, de 1975, no eBay alemão, que me custou menos que o Pro-ject. O som é diferente e permite-me evoluir sem grandes investimentos de uma só vez. Uma célula nova de boa qualidade custa entre 100-150€, um braço um pouco mais, mas podem ser comprados e instalados de forma faseada. Pode inclusivamente comprar um novo plinto por 160£. O preço total pode ficar nos tais 1000€, mas durante todo o processo pode ir ouvindo os LP's que for comprando!

É claro que é um processo trabalhoso e para pessoas que, como eu, não tinham (e ainda não têm muita) ideia de electrónica e alinhamentos e chumaceiras, e o diabo-a-sete, pode ser um processo meio complicado, mas acredite que é uma viajem muito interessante. Aliás, todo este tema do som analágico dá trabalho, e mesmo nas horas mais difíceis, em que penso "raios parta isto", lembro-me que todo o conceito por detrás da audição de um LP é tudo menos fácil, exige a nossa atenção e obriga-nos a ter momentos em que ouvimos música - só - e não se coaduna muito com o hábito que todos temos de ouvir música enquanto se faz outra coisa qualquer.

Por isso, para quem quer música apenas como banda sonora de qualquer outra actividade, o ideal é ouvir música armazenada em formato digital. Ganha em usabilidade e conveniência. Se quiser - e puder! - tirar uns momentos por dia para escolher um LP, colocá-lo no prato, usar a escova, colocar o clamp, pegar no braço e colocá-lo no disco, e depois então se sentar e desfrutar de um bom som, aconselho-o a comprar um bilhete só de ida ao mundo das fontes analógicas.

Cumprimentos,

Jorge Marcedo
avatar
jmarcedo
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 124
Idade : 42
Localização : Coimbra
Interesses : Design | Arquitectura | Viagens | Literatura | Música | Cinema
Data de inscrição : 11/01/2011
Pontos/Reputação : 183

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  ruifigueiredo em 28/6/2011, 09:49

jmarcedo escreveu:Caro Lost,

Na minha modesta opinião, não precisa de começar por um gira de 1000€ para começar a tirar partido do som inigualável do vinyl.

Vou-lhe dar o meu exemplo pessoal: comecei com um Pro-jec RPM-1, que na altura custava cerca de 200€, e foi com esse prato que comecei a usufruir dos primeiros vinis. O som é muito agradável e se a colecção não for muito grande - como parece ser tabém o seu caso - é um óptimo primeiro passo.
De seguida comprei um Thorens TD 160, de 1975, no eBay alemão, que me custou menos que o Pro-ject. O som é diferente e permite-me evoluir sem grandes investimentos de uma só vez. Uma célula nova de boa qualidade custa entre 100-150€, um braço um pouco mais, mas podem ser comprados e instalados de forma faseada. Pode inclusivamente comprar um novo plinto por 160£. O preço total pode ficar nos tais 1000€, mas durante todo o processo pode ir ouvindo os LP's que for comprando!

É claro que é um processo trabalhoso e para pessoas que, como eu, não tinham (e ainda não têm muita) ideia de electrónica e alinhamentos e chumaceiras, e o diabo-a-sete, pode ser um processo meio complicado, mas acredite que é uma viajem muito interessante. Aliás, todo este tema do som analágico dá trabalho, e mesmo nas horas mais difíceis, em que penso "raios parta isto", lembro-me que todo o conceito por detrás da audição de um LP é tudo menos fácil, exige a nossa atenção e obriga-nos a ter momentos em que ouvimos música - só - e não se coaduna muito com o hábito que todos temos de ouvir música enquanto se faz outra coisa qualquer.

Por isso, para quem quer música apenas como banda sonora de qualquer outra actividade, o ideal é ouvir música armazenada em formato digital. Ganha em usabilidade e conveniência. Se quiser - e puder! - tirar uns momentos por dia para escolher um LP, colocá-lo no prato, usar a escova, colocar o clamp, pegar no braço e colocá-lo no disco, e depois então se sentar e desfrutar de um bom som, aconselho-o a comprar um bilhete só de ida ao mundo das fontes analógicas.

Cumprimentos,

Jorge Marcedo

Olha! Um post em condições! É que até aqui até parece que "ou compra algo acima dos mil euros ou mais vale estar quieto"...
Se a ideia é começar a ouvir vinil, compre um RPM1. Depois evolua para os 1.000 ou para os 10.000 ou para os 100.000€ à sua vontade. Só não se esqueça de ir comprando e ouvindo uns vinis ali pelo meio, porque no fundo o que mais importa nisto do audio doméstico, parecendo que não, é mesmo a música.
avatar
ruifigueiredo
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 98
Localização : Lisboa
Ocupação : Arquitecto/Avaliações Banca
Interesses : A minha Família, a minha música e os meus livros.
Data de inscrição : 06/10/2010
Pontos/Reputação : 131

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  PMarques em 28/6/2011, 10:12

ruifigueiredo escreveu:
jmarcedo escreveu:Caro Lost,

Na minha modesta opinião, não precisa de começar por um gira de 1000€ para começar a tirar partido do som inigualável do vinyl.

Vou-lhe dar o meu exemplo pessoal: comecei com um Pro-jec RPM-1, que na altura custava cerca de 200€, e foi com esse prato que comecei a usufruir dos primeiros vinis. O som é muito agradável e se a colecção não for muito grande - como parece ser tabém o seu caso - é um óptimo primeiro passo.
De seguida comprei um Thorens TD 160, de 1975, no eBay alemão, que me custou menos que o Pro-ject. O som é diferente e permite-me evoluir sem grandes investimentos de uma só vez. Uma célula nova de boa qualidade custa entre 100-150€, um braço um pouco mais, mas podem ser comprados e instalados de forma faseada. Pode inclusivamente comprar um novo plinto por 160£. O preço total pode ficar nos tais 1000€, mas durante todo o processo pode ir ouvindo os LP's que for comprando!

É claro que é um processo trabalhoso e para pessoas que, como eu, não tinham (e ainda não têm muita) ideia de electrónica e alinhamentos e chumaceiras, e o diabo-a-sete, pode ser um processo meio complicado, mas acredite que é uma viajem muito interessante. Aliás, todo este tema do som analágico dá trabalho, e mesmo nas horas mais difíceis, em que penso "raios parta isto", lembro-me que todo o conceito por detrás da audição de um LP é tudo menos fácil, exige a nossa atenção e obriga-nos a ter momentos em que ouvimos música - só - e não se coaduna muito com o hábito que todos temos de ouvir música enquanto se faz outra coisa qualquer.

Por isso, para quem quer música apenas como banda sonora de qualquer outra actividade, o ideal é ouvir música armazenada em formato digital. Ganha em usabilidade e conveniência. Se quiser - e puder! - tirar uns momentos por dia para escolher um LP, colocá-lo no prato, usar a escova, colocar o clamp, pegar no braço e colocá-lo no disco, e depois então se sentar e desfrutar de um bom som, aconselho-o a comprar um bilhete só de ida ao mundo das fontes analógicas.

Cumprimentos,

Jorge Marcedo

Olha! Um post em condições! É que até aqui até parece que "ou compra algo acima dos mil euros ou mais vale estar quieto"...
Se a ideia é começar a ouvir vinil, compre um RPM1. Depois evolua para os 1.000 ou para os 10.000 ou para os 100.000€ à sua vontade. Só não se esqueça de ir comprando e ouvindo uns vinis ali pelo meio, porque no fundo o que mais importa nisto do audio doméstico, parecendo que não, é mesmo a música.

Parece que existe alguma confusão, e existem muitos outros posts bem sustentados. Há que ter em conta que muitas recomendações que são feitas para se entra no mundo do analógico não passam de remendos, e isso posteriormente vai acabar por ser bem penoso para o ouvinte. Nos meus posts chamo a atenção para isso, e convém ler e interpretar bem o que está escrito. Num dos meus posts atrás chamei atenção que se poderia começar por um Rega P1 ou P3/24, e repito, como no analógico um gira-discos não toca sózinho, pois é preciso célula e pré de phono como tal com estes ingredientes sejam eles do mais básico que exista no mundo da alta-fidelidade e neste caso especifico no analógico por €300 ou €400 muito dificilmente se encontrará. Eu sou o primeiro a camar a atenção que não se precisa para se ouvir bom analógico de se gastarem valores aburdos como é hábito ver por aí, só que acho que para quem nunca ou está pouco pouco familiariazado como estas coisas do analógico, se se fizerm recomedações na aquisição deste tipo de produtos do mais básico que existe poderá causar algum efeito repelente, ora em meu entender não será isso que se pretende.

Revendo e para terminar:
Valor estipulado pelo nosso forista -> €300/€400
Pro-Ject: €180
Pré- Phono: €100
Célula.: €140
Cabos de Ligação: €50
Total.: €470

Ora bem, os valores acima são inerentes a equipamentos e acessórios do mais básico que existe e usado, mesmo assim o valor é estimado muito, mas muito por baixo excedendo um pouco o previsto...

P.S.: Exclui: Amplificação, Colunas e IC's, cabos de coluna, etc. Quanto à qualidade da reprodução sonora como é óbvio não será a melhor...mas...


PMarques
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 148
Localização : Lisboa
Interesses : Música
Data de inscrição : 04/04/2011
Pontos/Reputação : 213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Lost em 28/6/2011, 10:35


Jorge Marcedo[/quote]



Revendo e para terminar:
Valor estipulado pelo nosso forista -> €300/€400
Pro-Ject: €180
Pré- Phono: €100
Célula.: €140
Cabos de Ligação: €50
Total.: €470

Ora bem, os valores acima são inerentes a equipamentos e acessórios do mais básico que existe e usado, mesmo assim o valor é estimado muito, mas muito por baixo excedendo um pouco o previsto...

P.S.: Exclui: Amplificação, Colunas e IC's, cabos de coluna, etc. Quanto à qualidade da reprodução sonora como é óbvio não será a melhor...mas...

[/quote]

Viva de novo, eu ja subi para os 1.000€ tendo em conta que o pre posso usar do meu integrado pois tem saida phono.
com os 1.000€ pretendo ter o GD +Celula+braço = tudo pronto, para cabos tenho ou posso ter um orçamento extra (nada que 60/70€ nao deva resolver)
Colunas ja tenho MA RX6, cabo de coluna tambem.
Ja algum tempo que pesquiso no ebay e por acaso ja lá vi uns Rega P1 e uns P3/24, Thorens TD 160 tambem existem alguns, PRO-JECT 1.3 existem con fartura na Alemanha.
Em termos de valores sao todos muito semelhantes tirando o P3/24 que sao mais baratos, a questao é que nao sei as diferenças entre eles!

Lost
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 69
Idade : 35
Localização : Povoa de Santa Iria
Interesses : Fotografia.
Data de inscrição : 28/02/2011
Pontos/Reputação : 159

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  ruifigueiredo em 28/6/2011, 10:58

PMarques escreveu:acho que para quem nunca ou está pouco pouco familiariazado como estas coisas do analógico, se se fizerm recomedações na aquisição deste tipo de produtos do mais básico que existe poderá causar algum efeito repelente

Não concordo com isto. Para si, que terá o ouvido muito habituado a sistemas muito transparentes, poderá ser repelente. Mas para quem como eu e o caro Lost se inicia, um RPM bem calibrado com uma célula de 70/80€, e um CA 640p (tudo novo cabe no orçamento apresentado) já podem fazer as delícias de muitas noites. Agora pode dizer-me - mas o tesão acaba depressa porque vai adquirir necessidade de ouvir mais detalhe e mais "um outro desses termos rebuscados que se usam para se dizer que o som é melhor" e mais vale fazer logo um maior investimento - sim, mas se o orçamento é de 400 1.000€, temos que respeitar. Mais tarde fará o investimento maior, mas até lá ouve analógico. Repelir é dizer: se tem 4.000€ para gastar num sistema muito bem, se não, dedique-se ao cd.
avatar
ruifigueiredo
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 98
Localização : Lisboa
Ocupação : Arquitecto/Avaliações Banca
Interesses : A minha Família, a minha música e os meus livros.
Data de inscrição : 06/10/2010
Pontos/Reputação : 131

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  jmarcedo em 28/6/2011, 11:07

Por acaso havia por aí num dos fóruns portugueses um Linn sondek LP12 a rondar os 1000€...

Era uma entrada a pés juntos no mundo analógico!
avatar
jmarcedo
Membro Audiopt
Membro Audiopt

Número de Mensagens : 124
Idade : 42
Localização : Coimbra
Interesses : Design | Arquitectura | Viagens | Literatura | Música | Cinema
Data de inscrição : 11/01/2011
Pontos/Reputação : 183

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  PMarques em 28/6/2011, 12:26

ruifigueiredo escreveu:
PMarques escreveu:acho que para quem nunca ou está pouco pouco familiariazado como estas coisas do analógico, se se fizerm recomedações na aquisição deste tipo de produtos do mais básico que existe poderá causar algum efeito repelente

Não concordo com isto. Para si, que terá o ouvido muito habituado a sistemas muito transparentes, poderá ser repelente. Mas para quem como eu e o caro Lost se inicia, um RPM bem calibrado com uma célula de 70/80€, e um CA 640p (tudo novo cabe no orçamento apresentado) já podem fazer as delícias de muitas noites. Agora pode dizer-me - mas o tesão acaba depressa porque vai adquirir necessidade de ouvir mais detalhe e mais "um outro desses termos rebuscados que se usam para se dizer que o som é melhor" e mais vale fazer logo um maior investimento - sim, mas se o orçamento é de 400 1.000€, temos que respeitar. Mais tarde fará o investimento maior, mas até lá ouve analógico. Repelir é dizer: se tem 4.000€ para gastar num sistema muito bem, se não, dedique-se ao cd.

€4000 por um Gira-Discos? Pegando numa expressão utilizada por si e muito pouco adequada ao debate, digo-lhe:
Esses €4000, valor esse igualmente preconizado por si, e se me permite com o devido respeito re-utilizando a sua adjectivação, é que me tira a tesão toda. Para se andar de carro cómodamente e com alguma segurança, não se precisa forçosamente andar de Jaguar, BMW série 6, ou outro qualquer, e o valor do bem seja ele qual fôr não faz o estatuto do proprietário, agora se se quiser andar depressa, então anda-se de Fórmula que é para isso que foram cosntruídos, e eu posso ter um Fiat 500 e sou eu que dou estatuto à coisa...e concerteza que em dará muito prazer circular com ele, leva-me a todo o lado, agora se eu quiser como disse dar corda aos sapatos, então um Porsche, resolve o problema, mas lá está depressa e bem... Acho que a mensagem chegou onde tinha de chegar, é tudo só uma questão de interpretação.

Para terminar, só quem está profundamente desfazado da realidade é que vai dar €4000 por um gira-discos, para depois ouvir musica durante uma escassa meia-hora. Sorry...

Boas Audições e felicidades

PMarques
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 148
Localização : Lisboa
Interesses : Música
Data de inscrição : 04/04/2011
Pontos/Reputação : 213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  PMarques em 28/6/2011, 12:27

jmarcedo escreveu:Por acaso havia por aí num dos fóruns portugueses um Linn sondek LP12 a rondar os 1000€...

Era uma entrada a pés juntos no mundo analógico!

Ora aí está, boa sugestão e estava feito.

PMarques
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 148
Localização : Lisboa
Interesses : Música
Data de inscrição : 04/04/2011
Pontos/Reputação : 213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  joevalve em 28/6/2011, 12:28

jmarcedo escreveu:Por acaso havia por aí num dos fóruns portugueses um Linn sondek LP12 a rondar os 1000€...
Era uma entrada a pés juntos no mundo analógico!

Já tive um há muitissimos anos e despachei-o logo que pude, passava a vida a desafinar. certo é que na altura eu nada percebia de gd (tal como hoje) mas foi uma verdadeira decepção.

Para quem como eu já abandonou o vinil definitivamente e tem lá por casa alguns discos e gosta de os ouvir de vez em quando há uma receita que não falha (para o meu gosto pessoal):
- thorens td160 + braço rega rb 300 ou 250 e uma célula apropriada ao seu phono.

Todo o dinheiro que se gaste acima disso em meu entender é desperdicio (quando se tem um orçamento limitado).

Há muita malta a preocupar-se em demasia com o gira discos e a sua intrínseca qualidade esquecendo-se que o gd não toca sozinho, precisa de uma atenção e cuidados constantes e o seu som final vai estar muito dependente do que se lhe associa nomeadamente phono e amplificador.

A quem se quiser iniciar agora no vinil, o meu conselho é este: não perca tempo nem gaste dinheiro.

joevalve
utilizador dedicado
utilizador dedicado

Número de Mensagens : 1163
Localização : porto
Ocupação : as válvulas estão de regresso - há vida para além do hi-fi
Interesses : música de carácter politico
Data de inscrição : 29/05/2007
Pontos/Reputação : 1330

https://sites.google.com/site/joevalve/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  ruifigueiredo em 28/6/2011, 13:03

Expressão utilizada por si e muito pouco adequada ao debate

Tem toda a razão e peço desculpa pelo excesso. Em relação ao resto acho que não percebeu...mas também não acrescento nada à discussão a tentar explicar.

Abraço
avatar
ruifigueiredo
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 98
Localização : Lisboa
Ocupação : Arquitecto/Avaliações Banca
Interesses : A minha Família, a minha música e os meus livros.
Data de inscrição : 06/10/2010
Pontos/Reputação : 131

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  PMarques em 28/6/2011, 14:52

ruifigueiredo escreveu:
Expressão utilizada por si e muito pouco adequada ao debate

Tem toda a razão e peço desculpa pelo excesso. Em relação ao resto acho que não percebeu...mas também não acrescento nada à discussão a tentar explicar.

Abraço

Sim, não acrescente porque não se chegaria a lado nenhum. No problem.

PMarques
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 148
Localização : Lisboa
Interesses : Música
Data de inscrição : 04/04/2011
Pontos/Reputação : 213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  PMarques em 28/6/2011, 15:01

vinilsuporter escreveu:
jmarcedo escreveu:Por acaso havia por aí num dos fóruns portugueses um Linn sondek LP12 a rondar os 1000€...
Era uma entrada a pés juntos no mundo analógico!

Já tive um há muitissimos anos e despachei-o logo que pude, passava a vida a desafinar. certo é que na altura eu nada percebia de gd (tal como hoje) mas foi uma verdadeira decepção.

Para quem como eu já abandonou o vinil definitivamente e tem lá por casa alguns discos e gosta de os ouvir de vez em quando há uma receita que não falha (para o meu gosto pessoal):
- thorens td160 + braço rega rb 300 ou 250 e uma célula apropriada ao seu phono.

Todo o dinheiro que se gaste acima disso em meu entender é desperdicio (quando se tem um orçamento limitado).

Há muita malta a preocupar-se em demasia com o gira discos e a sua intrínseca qualidade esquecendo-se que o gd não toca sozinho, precisa de uma atenção e cuidados constantes e o seu som final vai estar muito dependente do que se lhe associa nomeadamente phono e amplificador.

A quem se quiser iniciar agora no vinil, o meu conselho é este: não perca tempo nem gaste dinheiro.

Olá caro vinilsuporter,

Em parte concordo com o teu parecer sem dúvida, aliás como eu próprio já havia dito, um gira não toca sózinho é um dado adquirido, bem como o ritual e toda a sua envolvência é muito mais do que isso de facto. É usual ouvir e ler por aí recomendações desfazadas na compra de gira-discos seja ele qual fôr, esquecendo muitas vezes o essencial da questão. Muitas vezes quem sugere e recomenda a compra de determinado Gira-Discos não sabe o que diz e o que faz, e custa ler essas sugestões, mas enfim os debates são assim mesmo.

Agora amigo vinilsuporter, olha lá que um Linn bem afinadinho à séria é um prato para um gajo não se chatear mais. Atenção falo dos Linn's mais antigos quase a chegar aos Vintage mais coisa menos coisa, são e foram bela máquinas que o escocês soube fazer, afinal os gajos não fabricam só bom Whisky. cheers

Ouvir analógico é uma forma bem diferente de ouvir música, mas lá está, é preciso tempo, muito tempo para nos dedicarmos a essa sublime forma de ouvir música e tempo é algo cada vez mais escasso.

Abraço

PMarques
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 148
Localização : Lisboa
Interesses : Música
Data de inscrição : 04/04/2011
Pontos/Reputação : 213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  PMarques em 28/6/2011, 15:10

Lost escreveu:
Jorge Marcedo



Revendo e para terminar:
Valor estipulado pelo nosso forista -> €300/€400
Pro-Ject: €180
Pré- Phono: €100
Célula.: €140
Cabos de Ligação: €50
Total.: €470

Ora bem, os valores acima são inerentes a equipamentos e acessórios do mais básico que existe e usado, mesmo assim o valor é estimado muito, mas muito por baixo excedendo um pouco o previsto...

P.S.: Exclui: Amplificação, Colunas e IC's, cabos de coluna, etc. Quanto à qualidade da reprodução sonora como é óbvio não será a melhor...mas...

[/quote]

Viva de novo, eu ja subi para os 1.000€ tendo em conta que o pre posso usar do meu integrado pois tem saida phono.
com os 1.000€ pretendo ter o GD +Celula+braço = tudo pronto, para cabos tenho ou posso ter um orçamento extra (nada que 60/70€ nao deva resolver)
Colunas ja tenho MA RX6, cabo de coluna tambem.
Ja algum tempo que pesquiso no ebay e por acaso ja lá vi uns Rega P1 e uns P3/24, Thorens TD 160 tambem existem alguns, PRO-JECT 1.3 existem con fartura na Alemanha.
Em termos de valores sao todos muito semelhantes tirando o P3/24 que sao mais baratos, a questao é que nao sei as diferenças entre eles!
[/quote]

Amigo Lost,

Nós estamos aqui para o direccionar no melhor que se sabe e se pode de acordo com a experiência. Quando digo nós, talvez seja melhor dizer e neste caso, eu.

Ora bem, se já subiu o patamar já dá margem de manobra, e aproveito a oportunidade de que há momentos é que me veio á memória de ter um camarada de luta destas coisas do audio, ele tem um prato de referência dentro do patamar, pois é um Rega P5, em Cherry, e com pés de metal iguais aos do P7 e P9, e fornece uma plataforma muita rara que a Cambridge nos anos 90 fabricava para a atenuar e amortecer as vibrações de equipamentos audio, e vem com uma soberba célula Benz Micro, e a fonte de alimentação da Rega, acho que está a pedir €1400 mais coisa menos coisa.

O que se passa é o seguinte, é que ele não se decide, pois já tem ao que sei alguns interessados, só que quando chega a hora de o vender, arrepende-se, ou falta a coragem, de qualquer forma posso tentar saber se ainda vive com o arrependimento, mas lá que é uma máquina é, e tanto quanto sei e conheço, está novo... é julgo uma grande oportunidade, posso como disse tentar saber e se fôr assim... cheers

PMarques
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 148
Localização : Lisboa
Interesses : Música
Data de inscrição : 04/04/2011
Pontos/Reputação : 213

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Vítor Almeida em 28/6/2011, 19:11

Viva

Penso que a maioria das coisas que podiam ser ditas já o foram. Penso que o seu problema agora é decidir-se a gastar a "massa". Tenho o mesmo problema. Os melhores preços para equipamentos novos que encontrei foram obtidos na supersonido via Net e no Belmiro Ribeiro na Amadora presencialmente.

Cumprimentos

Vítor Almeida

Vítor Almeida
utilizador iniciado
utilizador iniciado

Número de Mensagens : 138
Localização : Lisboa
Interesses : Música e vídeo, entre outras
Data de inscrição : 16/03/2011
Pontos/Reputação : 282

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  luis lopes em 28/6/2011, 19:29

em resposta á questão primária:
curto e grosso.
se pretende gastar até 400€ num gira discos,
pois o meu conselho é ir vendo com calma
o mercado dos usados, que de certeza irá
encontrar algo que lhe satisfaça.
em relação á agulha uma AT95e é perfeita.
avatar
luis lopes
Equipa Audiopt - Moderação
Equipa Audiopt - Moderação

Número de Mensagens : 2870
Idade : 50
Localização : algueirão
Ocupação : vigilante
Interesses : AUDIO VINTAGE series tv VALVULAS
Data de inscrição : 19/04/2009
Pontos/Reputação : 3120

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  luis lopes em 28/6/2011, 21:11

avatar
luis lopes
Equipa Audiopt - Moderação
Equipa Audiopt - Moderação

Número de Mensagens : 2870
Idade : 50
Localização : algueirão
Ocupação : vigilante
Interesses : AUDIO VINTAGE series tv VALVULAS
Data de inscrição : 19/04/2009
Pontos/Reputação : 3120

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O que saber e ter em conta na compra de um Gira Discos

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum